O documentário HBO Original FAYE estreia dia 14 de julho na Max

27 junho 2024

Um retrato revelador da ícone lendária dos ecrãs de Hollywood, Faye Dunaway.

Lisboa, 27 de junho de 2024 - O documentário HBO Original FAYE, produzido e realizado pelo premiado cineasta Laurent Bouzereau (“Natalie Wood: What Remains Behind” da HBO, “Mama’s Boy”), estreia dia 14 de julho na Max. O filme teve a sua estreia mundial no Festival de Cinema de Cannes 2024.

A atriz vencedora do Oscar® e estrela de cinema de várias décadas, Faye Dunaway, relata os triunfos e desafios da sua ilustre carreira de forma sincera e franca em FAYE, o primeiro documentário sobre a lenda de Hollywood. Através de uma reflexão honesta, complementada por comentários de colegas e amigos, Dunaway contextualiza a sua vida e filmografia, expondo as suas lutas com a saúde mental enquanto confronta os padrões duplos aos quais foi submetida como mulher em Hollywood.

Tendo crescido como Dorothy Faye Dunaway, filha do exército de um pai que lutou contra o alcoolismo e tendo sido criada predominantemente pela sua mãe solteira, Dunaway escapou para o mundo da atuação e encontrou mentores no realizador Elia Kazan e no dramaturgo William Alfred, cuja peça “Hogan's Goat” ajudou a lançar a sua carreira em 1965. Em FAYE, a atriz nomeada por três vezes ao Oscar® – ela iria vencer por “Network” de 1976 – explora a trajetória pessoal da sua vida em conjunto com a sua carreira histórica. Muitos dos seus papéis no cinema parecem refletir aspetos da personalidade de Faye e do clima social em que foram feitos, incluindo “Bonnie e Clyde”, “Chinatown” e “Network”, um filme que atraiu críticas, mas também elogios, pela interpretação de Dunaway de uma produtora de televisão obstinada e antipática - críticas que também foram feitas a Dunaway pela sua reputação de ser uma artista “difícil” de se trabalhar. Falando abertamente sobre a sua luta contra o alcoolismo e o transtorno bipolar, os seus casos amorosos e as alegrias da maternidade, Dunaway também reflete sobre o seu papel em “Mommie Dearest”, o infame filme de 1981 que foi um sucesso popular, mas ameaçou destruir a sua carreira. Com a sua elegância e sentido de moda no ecrã, ela tornou-se num ícone de estilo e continua a inspirar e influenciar as tendências da moda nos dias de hoje. Extremamente independente e determinada a desenvolver as suas próprias oportunidades profissionais nas décadas de 1990 e 2000, mas por vezes frustrada pela sua própria reputação e demónios, FAYE lembra a capacidade singular de Dunaway de inspirar gerações de cineastas e atores com o seu duradouro carisma nos cinemas e obra cinematográfica.

O documentário apresenta entrevistas com o filho de Faye Dunaway, Liam Dunaway O'Neill, bem como com colegas e amigos, incluindo o autor Mark Harris, o jornalista Robin Morgan, a professora de cinema Annette Insdorf, o fotógrafo e realizador Jerry Schatzberg, o autor David Itzkoff, os atores Sharon Stone e Mickey Rourke e o cineasta James Gray.

A HBO Documentary Films apresenta FAYE, uma produção da Amblin Documentaries em associação com a Nedland Media. Realizado e produzido por Laurent Bouzereau; produzido por Markus Keith, Justin Falvey e Darryl Frank; editado por Jason Summers; compositor Tyler Strickland; diretores de fotografia, Travers Jacobs, Chris Johnson, Toby Thiermann. Para a HBO: produtoras executivas, Nancy Abraham, Lisa Heller e Sara Rodriguez.

Contactos

Elsa Marques

PR GuessTheChoice


Vasco Simões

WBD Comms. Executive